quinta-feira, 31 de março de 2011

Eu, mãe desnaturada, me confesso.

Queria que a minha filha gostasse de comida de boião.

Quando formos de férias ela terá apenas 13 meses. Ainda vai precisar de sopa passada, sem ou com muito pouco sal e reforçada com carne ou peixe. Não sei se vou conseguir que o hotel me faça isso (já mandei e-mail a perguntar). De qualquer forma levarei iogurtes (aqueles que, mesmo não sendo os mais saudáveis, são práticos por não necessitarem de frio), farinhas lácteas e boiões de fruta. Ora, se ela gostasse, ia um carregamento de comida em boião e não se pensava mais nisso. Se o hotel lhe fizesse sopa, óptimo, se não estaria resolvido.

Mas já experimentei vários e não come nada. Dá-lhe vómitos.

É tão diferente da irmã. A Inês nas suas primeiras férias só comeu sopas de pacote e não foi por eu querer! Fomos para apartamento propositadamente para eu lhe poder fazer sopa e ela fechou a boca à sopa da mamã e passou aqueles dias a comer umas horríveis e malcheirosas sopas de pacote.

Vamos lá ver como se resolve o "problema". Fome a miúda não irá passar de certeza, pode é começar cedo a comer uns bifes com batatas fritas!

19 comentários:

Joana disse...

Estou com o mesmo dilema.
Ja comeu sopa de boião algumas vezes (poucas) - mas uma semana com elas.... parece-me dificil.

Será que os hoteis fazem esse tipo de "favores" - sopinha sem sal?

Experiencias?!

Marta disse...

Joana, há hotéis que têm sopa para criança, quase sem sal e que se pedir acrescentam um pouco de carne ou peixe.
Se for em Portugal é mais fácil, compreendem melhor.
Quando a Inês era pequenita cheguei a levar as sopas congeladas e pedi no hotel para guardarem, quando ia almoçar e jantar, eles aqueciam e pronto, resolveu-se bem.
Mas indo para fora a coisa complica um pouco...

Constança disse...

Eu é que devo ser muito desnaturada, pois a minha já come a sopa do restaurante,nc tive pachorra de sair carregada(mais,quero eu dizer) com sopa atrás e como ela sempre detestou os boiões toca a comprar a sopa do restaurante,por ser mais salgada acrescento mais agua e depois dou muito liquido,mas nc criei problemas quanto a isso. Tento descomplicar td ao máximo. Beijinho*

Marta disse...

Constança,
E fazes bem em não complicar :)
Mas ir a um restaurante de vez em quando é uma coisa, uma semana que seja, a comer uma sopa mais forte ao almoço e ao jantar é um pouco mais chato. Até pode deixá-la maldisposta.

Mami ( Sónia ) disse...

A Sofia também nunca gostou de nada que fosse em boião e que jeito me tinha dado em algumas alturas...

Catarina disse...

Olá,
Eu já viajei com o meu filho mais velho que na altura tinha 10 meses, e como estávamos num hotel Tudo Incluido, à hora de almoço pedia sempre uma sopa para bébé. Se fores para um hotel aconselhado a famílias, acho que não terás esse problema. Tb a tua filhota já terá 13 meses, ou seja, se não for uma criança dificil para comer, já poderás dar-lhe arroz e massa.

Marta disse...

Catarina,
Sim, vou para um hotel desse género. Estou à espera que me respondam ao email, mas também tenho a expectativa de não ter problemas com a sopa.
Eu bem gostava que nessa altura a Beatriz já comesse qualquer coisa sólida mas não estou com muita esperança, ela não é assim tão boa boca.
Com a irmã foi tão complicada e demorada essa adaptação que não conto que seja muito mais fácil com ela. Mas quem sabe? :)
Obrigada

efilipe disse...

Não és mãe desnaturada - mas antes mãe preocupada! Mas tenta dar-lhe também outras opções à sopinha. É férias e podes sempre tentar coisas novas e ela de certeza que vai gostar... desde que sejam opções saudáveis não há problema! Boas férias!

sonia melo disse...

olha eu fui com a M. com 10 meses e levei sopa congelada, porque tive receio, porque a agua da zona para onde fui não é aconelhavel de beber e blablabla.. enfim, fui de arca congeladora, mas a verdade é que estavam la alguns bebes da mesma idade e comiam a sopa do hotel e estavam optimos!

beijocas

Marta disse...

Sónia Melo,
Mas diz-me, viajaste de avião com as sopas? Já pensei fazê-lo mas tenho receio que se estraguem.
Pois, para onde penso ir também não é potável, será o mesmo destino?! :)

Susana Happy Days disse...

Marta, afinal vais para onde???

A mamã da Beatriz... disse...

Mas vais para fora do país? Ficas mesmo em Aparthotel? Ou hotel? A Beatriz sempre que saímos para algum lado com ela deixa de comer... come umas bolachas ou bebe sumo... Tem sido um dos motivos pelo qual nunca fomos mais que um fds para longe... Se bem que agora já é menos esquisitinha e prova tudo! Mas ela odiava os boioes!Excepto os de fruta!

lfe disse...

Marta,
Com 13 meses, a Clara já comia da nossa comida. E comia (e come) tão bem os legumes que quase nunca lhe dava (ou dou) sopa.
Quando fomos para o Brasil (é certo que estávamos na minha mãe quase todo o tempo), ela tinha 11 meses e fez um monte de novas experiências (dquelas que só fazemos com o 2º filho, sabe?). Correu lindamente.
Talvez, se vc já a começasse a habituar à comida sólida, tuas férias eram mais fáceis...
Devo dizer que nenhuma das minhas nunca aceitou o boião de comida.... Quem me dera... Dava um jeitaço às vezes...
Boa sorte e boas férias!
Luciana
:)

Marta disse...

Helena, sim vou para fora e para hotel. Mas já recebi resposta deles a confirmar que há sopa para bebés e a disponibilizarem-se para fazer algo mais especifico a meu pedido. Já estou mais descansada.
Isso da tua Beatriz não comer fora de casa é muito chato! Mas nada que treino não resolva, tens que sair mais vezes!! ;)

sonia melo disse...

marta, não sei se será o mesmo...eu "conheço-te" no FB, vou amigar-te la e podemos trocar impressões mais detalhadas, mas sim fui de avião com as sopas, acabei de fazer, deixei esfriar e congelei, depois so 5 minutos antes de sair de casa pus dentro da arca com umas daquelas coisas geladas que ajudam a preservar a temperatura e chegaram la em pedra:o)~

Marta disse...

Luciana,
Vou tentar fazer isso, dar a experimentar coisas novas à Beatriz. Mas sabes que há crianças que têm mais apetência para isso que outras. Ela é um bocado chata para comer, melhor um pouco que a Nini, mas ainda assim um pisco!

Marta disse...

Boa Sónia!
Fico à espera ;)

**SOFIA** disse...

essas saídas de férias são um pequeno stress.
a leonor tb nao gosta nada de boioes, tb ficava toda verde...
ainda nao fui para o estrangeiro com ela, mas nos sítios para onde fomos em PT fizemos os possíveis sempre para ficar com cozinha à nossa disposição.

boa sorte!

Márcia disse...

As primeiras férias do Duarte fui cheia de medo em relação à comida e muito apreensiva em relação aos boiões de fruta e iogulinos pois nunca lhe tinha dado e não experimentei em casa.

Lembro-me como se fosse hoje da primeira vez que lhe dei um boião de fruta. Estavamos na praia, ele sentado na toalha à sombra debaixo do guarda-sol e quando acabou mete a mão ao boião e espreita lá para dentro como quem diz "não tem mais?!"

Relaxa, vai correr bem. Eu aposto no bife com batatas fritas ;)